Wind 505

Imagem
Regras do Fórum
Site= http://www.tahemarine.com
Tahe Kayaks OÜ Aiandi tee 21, 74001 Viimsi,
Estonia
Sales & Marketing manager
Janek Pohla
Tel: + 372 52 06 998
E-mail: Janek@tahemarine.com

Representante:
NordesKayak http://www.nordeskayak.es/
Cámping de Liméns, Playa de Liméns, en Cangas do Morrazo. Pontevedra.
E-mail: administracion@nordeskayak.com
Fax: 986 300158
Teléfono: 986 304055 (contestador)
Apartado de Correos nº 53. 36940 Cangas. Pontevedra. España.
Responder
Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
Admin
Site Admin
Mensagens: 419
Registado: domingo mar 01, 2009 9:58 am
Localização: Cascais
Contacto:

Wind 505

#1 Mensagem por Admin » terça ago 18, 2009 9:06 am

Imagem
Imagem

Tipo - Kayak de mar
Construção - Fibra
Comprimento- 505 cm.
Largura - 54 cm.
Cockpit - 40 x 72 cm. em fechadura.
Poço da proa - 15 cm.
Poço da popa - 43x26 cm.
3 poço - 8 cm.
Capacidade de carga - 125Kg
Peso em vazio - 21 - 22 kg.
Admin

padjuda
Kayaker recém-chegado
Mensagens: 3
Registado: domingo abr 26, 2009 9:57 am

Re: Wind 505

#2 Mensagem por padjuda » sexta ago 21, 2009 11:07 pm

Pontos Fortes:
- Conforto – O único barco em que não tive problemas com as pernas (dormência/dor);
- Muito bonito e elegante;
– Óptimo deslizamento e fácil de manter velocidade de cruzeiro;
- Estabilidade secundária;
- Leveza;
- Bom patilhão + leme
– Dois compartimentos grandes e day hatch completamente estanques este último em fibra à localizado à frente, com pernas curtas não incomoda;
- Finca joelhos e finca pés;
- Para mim tem o tamanho ideal - 505m.

Pontos Fracos:
- Estabilidade inicial;
- Poço muito fechado, mas que se veio a revelar útil em manobras;
- Segundo os entendidos existe um problema de construção, se bem percebi no material utilizado na estanticidade dos poços. Com o uso pode ter (eventualmente) problemas no casco. É claro que eu não dei isso!

Actividades indicadas:
- Passeios em grandes planos de água (mar, lagos, barragens e rios largos);
- Autonomias.

A Ria de Aldan revelou-se muito pequena e facil de fazer devido ao prazer de o conduzir! No geral, foi um kayak que me deixou “quase” apaixonada!

Responder